ESCANDINAVO COM DETALHES DO PASSAR DO TEMPO

O estilo de decoração escandinavo fascina-me, não pela desarrumação que muitas vezes vemos, mas sim pela simplicidade da decoração, da mistura de cores neutras com o verde da natureza e sim por serem casas para serem vividas.

 

Pequenos apartamentos nórdicos

Não me debrucei muito sobre o assunto, mas quando entramos nas plataformas imobiliárias dos países nórdicos raramente se encontram grandes casas ou apartamentos com muitos quartos. De coisas que li por aí, os suecos, por exemplo, saem de casa dos pais, normalmente, aos 18 anos (fonte Incrível), mas para contraria este facto, têm uma taxa de nascimentos de 12,1 nascimento por cada 1000 habitantes, contra 8,2 e 9 em Portugal e Espanha respetivamente (fonte Index Mundi) e, além disso, os invernos são passados na maioria do tempo de casa. Talvez, simplesmente, gostem de viver em espaços pequenos, porque na verdade precisamos de grandes casas para acumular coisas que realmente não precisamos.

 

Um apartamento ao estilo escandinavo com muita pinta

Tal como estava a falar, este é mais um apartamento sueco com apenas um quarto, mas ideal para viver e desfrutar da vida na cidade. Tem recantos para tudo, desde um bom momento de descanso, até à leitura de um fascinante livro, uma cozinha perfeita para preparar as melhores iguarias e servi-las a um grupo de amigos na mesa da sala. Afinal que precisamos mais?

Os detalhes do tempo contam a sua história

Quis partilhar este apartamento porque creio que o mais importante e fascinante são todos os detalhes arquitetónicos do passado que saltam à vista. Muito bem cuidados, enquadram-se perfeitamente com uma decoração mais atual e simples, e até com uma cozinha de linhas retas, bastante sóbria e elegante. Desde a parede de tijolo à vista, às molduras das portas e sem esquecer as sancas dos tetos do quarto e os rosetões que emolduram os candeeiros de teto.

Decoração e as suas cores harmonizam os espaços

Para toda a harmoniza que vemos é muito importante a decoração escolhida, cores neutras e detalhes “clean” para que os elementos históricos tenham mais presença e não pesem muito no dia a dia.

fonte: Alvhem

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *