Historia (5740)

HISTÓRIA | A BICICLETA BRANCA

Há quem diga que a decoração não é para todos, mas como é lógico eu não concordo nada. Decorar é criar um espaço para nós e para os nossos, onde nos sentimos bem e, por vezes, não conseguimos fazer isso porque, simplesmente, complicamos.

Menos é mais. A chave para tudo é descomplicar, principalmente para que a sua casa seja um refúgio e não uma chatice, tal como este pequeno apartamento de inspiração nórdica. Aqui o elemento principal é uma bonita e simples bicicleta branca, que combina com todo o branco das paredes e brilha com toda a luz natural que entra pelas enormes janelas.

Há quem diga que “agora pintam tudo de branco e bla bla bla, só porque é moda”. Para mim não é moda, penso que estamos a entrar numa fase que nos apercebemos que uma casa tranquila é a chave para um dia-a-dia mais simples e fácil.

Espero que este apartamento seja uma inspiração, para que a sua casa seja realmente sua. Use um elemento que já tenha (bicicleta, discos de vinil, pauta musicais, prancha de surf, skis ou qualquer outro que combine consigo e com a sua família) e faça a decoração à volta dele.

A exuberância não trás felicidade. Simplifique.

fonte: Planet Deco

Historia (5722)

HISTÓRIA | LA CASA DEL PUERTO

Um local perfeito para inspirar-nos neste quente verão, que refresca os nossos dias e aquece a nossa vontade de passar um fim-de-semana junto ao mar. De preferência um mar cintilante em cor azul-turquesa e num local onde o bom tempo nos deixe aproveitar cada raio de sol.

Estamos em Valência, cidade que visitei este ano e que podem ver o local onde fiquei neste post, que tinha tanto encanto como estes apartamentos que vos trago hoje. Chama-se “La Casa del Puerto” e é a união de duas casas do início do século XX, remodeladas com um espetacular bom gosto e uma delicada simplicidade, que se cruzam num solarengo pátio traseiro. Quatro apartamentos cheios de tranquilidade, branco, madeira natural e detalhes estruturais que os tornam únicos.

O azul-turquesa dado nas portadas das janelas é um detalhe que torna tudo muito mais especial, parece que diz “estamos perto do mar”. Já pensou que pode optar por um detalhe desse género para transportar a sua casa para mais perto do mar? Faça da sua casa o seu refúgio de férias para todo o ano e mesmo longe do mar parece que está perto.

fonte: La Casa del Puerto e Archilovers

Tendencia (1161)

TENDÊNCIA | CATÁLOGO IKEA 2019

A revista de decoração mais esperada do ano já chegou! Não é bem uma revista, mas é bem mais preciosa do que qualquer uma. Catálogo Ikea 2019!

É a versão inglesa, mas isso não interessa nada. Já pode começar a inspirar-se com as novas imagens e soluções que o Ikea criou para a próxima temporada. O tema é celebrar as diferentes formas de viver os espaços e as necessidades de cada um, criando sete lares diferentes, cada um com a sua própria história.

Há imensas novidades: móveis, padrões, texturas e muitos acessórios. O mobiliário parece que deixou de ser obrigatoriamente branco, vê-se muita madeira natural neste novo catálogo do Ikea. Gosto muito! Deixo-vos com as minhas imagens preferidas (da minha primeira vista de olhos por este “livro” de cabeceira).

fonte: Ikea

Historia (5700)

HISTÓRIA | MEDITERRÂNEO EM ESTADO PURO

Depois do último apartamento que partilhei, cheio de cores e detalhes, achei que seria melhor mostrar-vos um espaço onde a harmonia reina e a cor branca irradia luz e tranquilidade.

Estamos no sul de Itália, na região da Puglia (ou Apúlia em português), conhecida pelas suas paradisíacas praia, com água azul-turquesa, e encantadoras aldeias caiadas de branco. Na cidade de Polignamo a Mare, banhada pelo mar adriático, encontramos um deslumbrante hotel, que se junta à tendência do requinte mostrado da forma mais descomplicada que há: simplicidade!

A recuperação de uma casa fortificada do século XVIII, onde o branco é o elemento principal para fazer ressaltar todo o ambiente que a envolve. Os detalhes da história presentes no edifício foram preservados, criando um ambiente cheio de personalidade e, ao mesmo tempo simples, que transforma todo o “luxo” deste espaço em algo harmonioso que convida a relaxar e a aproveitar a natureza.

Masseria Le Torri é um hotel deslumbrante, cheio de conforto e ambientes ideais para esquecer tudo o que não faz bem.

E já sabe: se não pode ir, faço-o na sua casa.

fonte: Archi Lovers

Historia (5686)

HISTÓRIA | POP, TUDO SÃO DETALHES

Uma casa que não é para todos, mas que não acredito que haja alguém que não goste. Repleta de cores vivas, detalhes exuberantes e muita, mas muita originalidade, sem perder a harmonia que uma casa precisa de ter.

Lembra-me bastante o estilo Pop, um estilo inspirado no Pop Art dos anos 60/70, onde uso das cores fortes e brilhantes é quase obrigatório e, normalmente, acompanhadas da cor branca para as ressaltar ainda mais. Os quadros divertidos nas paredes e padrões alegres recordam ainda mais este estilo.

Mesmo com todos os detalhes e cores que tem, esta casas não deixa de ser harmoniosa, porque deixaram os espaços vazios necessário para não ser pesada e cansativa. Eu gosto muito e, mesmo adorado o estilo nórdico, eu viveria nesta casa muito bem e sorria muito mais ainda.

fonte: Apartment Therapy

Tendencia (1152)

TENDÊNCIAS | ACHADOS NOS SALDOS #1

A melhor época para renovar a casa é agora: está bom tempo, os dias são maiores e há SALDOS. Melhor?! Só por encomenda 😉

Achei pertinente partilhar com vocês alguns produtos que encontrei nos saldos, que eu mesma gostaria, ou talvez compre mesmo, cá para casa. São simples, mas que dão aquele aconchego que a nossa casa precisa.

Tapete de Algodão Geométrico (150 x 200cm) da Zara Home – 49,99€ (antes 99,00€)

Capa de Almofada de Linho (50 x 50cm) da H&M Home – 8,99€ (antes 14,99€)

Capas de Almofadas “Love” (45 x 45cm) do Meu Rebuliço – 4,00€ (antes 9,90€)

Mantinha Polar Rendilhada (130 x 170cm) da Zara Home – 19,99€ (antes 29,99€)

Toalha de Mesa de Algodão às Riscas (150 x 225cm) da Zara Home – 9,99€ (antes 19,99€)

Pufe Entrançado Redondo (49 x 49 x 59cm) da Zara Home – 39,99€ (antes 59,99€)

Conjunto de 4 velas perfumadas em caixa da H&M Home – 9,99€ (antes 14,99€)

Sugestões?! Por favor, deixem nos comentários para que todas tenham oportunidade de ter pechinchas em casa 😉

Historia (5676)

HISTÓRIA | NA PRAIA, DE INSPIRAÇÃO NÓRDICA E ESTILO DE VIDA AUSTRALIANO

A anterior publicação foi um pouco polémica, pelas sensações que causava nos amantes do estilo nórdico: não era o habitual e tinha ali um toque de discórdia que, admito, ainda estar confusa. Pensa que a casa que vos trago hoje é difícil de não gostar, ela mistura o nosso adorado estilo nórdico com o estilo de vida australiano, menos frio, e ainda fica perto da praia. Só por esta descrição penso que não haverá muita discórdia.

A proprietária é a Ursula, diretora da marca House of Orange e da revista HK Living, o seu marido Hans, também codiretor da House Orange, as suas duas filhas, April e Nina e o Frankie, o simpático cão da família. Claro que nesta casa não poderia faltar o bom gosto.

Branco, vários tons de cinzento, preto em alguns detalhes e materiais naturais para dar o conforto que qualquer casa precisa. Simples, tão simples que não percebo porquê que ainda vivemos carregados de mobiliário pesado que não se enquadra em nada com o tamanho das nossas casa e, pior ainda, com o nosso estilo de viva.

Toca a pintar, remodelar, trocar e encaixar a nossa casa connosco?

Se gostou desta casa, penso que também vai adorar estas:

fonte: Insideout

Historia (5662)

HISTÓRIA | A NÓRDICA QUE SE AMA OU SE ODEIA

Esta é uma casa do estilo que os seguidores do Meu Rebuliço mais gostam, claro que estamos a falar do estilo nórdico. Normalmente, uma casa simples, com poucas cores e muita harmonia, mas esta casa é diferente. Eu ainda não sei se gosto ou não.

Ao contrário do que estamos habituados, esta pequena casa de estilo escandinavo tem muito madeira escura por todo o lado: são vigas, estruturas de parede e até mobiliário. Eu gosto deste apartamento, porque é diferente do tradicional nórdico, sem deixar de ser harmoniosa, e tem bastante personalidade, mas se vivesse nela tenho a sensação que me iria cansar. Tem demasiada informação para mim. E vocês, o que acham desde estilo de nórdico?

| siga todas as novidades do Meu Rebuliço no facebookinstagram e pinterest |

fonte: Alvhem

Historia (5653)

HISTÓRIA | A CASA DOS MEUS SONHOS #4

Hoje trago-vos uma das casas que adoraria ter como minha, nada a ver com as anteriores casas de sonhos que vos mostrei, mas talvez esta seja a que mais combina comigo, pela sua simplicidade, harmonia e por estar perto da praia. É mais estilo casa de férias, mas quem não gostaria de viver todo o ano “em férias”?!

Esta “cabana” está localizada na Comporta, a pouco mais de uma hora de Lisboa, e faz-me sentir uma certa inveja saudável da família que tem o privilégio de a desfruta. É perfeita! Construída num enorme terreno rodeado por uma densa floresta de pinheiros, mas não é uma casa normal…

Cada espaço é um pequeno edifício, que se mistura com a natureza e, graças às suas enormes e despejadas janelas, a luz cintilante da Comporta entra e faz brilhar cada recanto, que está decorado de uma forma muito serena, recorrendo a artesãos locais, que usam o vime, corda e outros materiais naturais nas suas criações e, como cores, a escolha foi obvia: o branco e a cor areia.

Sei que não temos esta paisagem e este clima nas nossas casas do dia-a-dia, mas podemos dar um toque de férias às nossas casas e transforma-las no nosso refúgio de férias, nem que seja ao fim do dia.

Se gostou desta casa, tenho a certeza que vai adorar estas:

| siga todas as novidades do Meu Rebuliço no facebookinstagram e pinterest |

fonte: Architectural Digest

VIAGEM (146)

VIAGEM | CUBA, NÃO É BEM O QUE DIZEM POR AÍ

A coisa que mais gosto de fazer na vida é viajar, como expliquei na anterior publicação acerca da minha escapadinha a Tânger. Todos os anos tenho que ir a um lugar novo, seja de mochila às costas ou de trolley, tenho que ir. Preciso. Faz-me falta e faz-me bem.

Este ano a escolha foi Cuba, um país que tinha bastante curiosidade em conhecer, principalmente, por ser um país comunista onde (supostamente) não há classes sociais. Claro que as há, quem trabalha para o governo não ganha muito (para não dizer nada) e como há uns anos o governo permitiu a criação de negócios particulares (porque estavam a morrer à fome) a diferença social aumentou. O melhor é não dar a minha opinião profunda, mas apesar da fachada comunista eu gostei muito… adorei Havana, uma cidade com bastante potencial, com edifícios lindíssimos, segura, com pouco trânsito e o que há são dos seus carros maravilhosos.

Fiz três tours com a empresa Strawberry Tours, que aconselho vivamente, principalmente o tour pelo centro histórico. Aprendemos a realidade com cubanos de gema, contam-nos o seu ponto de vista, as suas experiências e a história de Cuba de uma forma bastante clara. Vale mesmo a pena porque cada um paga o que pode ou o que acha que o guia merece. Cinco estrelas!

Esta foi a primeira parte da minha viagem, a segunda tinha que ser na praia. Nas maravilhosas praias de Cuba, onde descansei, nadei, passei, fiz snorkeling até não dar mais. Água quente e sol cintilante é a melhor forma de acabar umas férias.

Deixo-vos com algumas fotos que tirei lá, para vós inspirar a ir e a desfrutar de um país onde nem tudo é o que dizem por aí.

Se gostou desta viagem, também vai adorar estas de mais viagens/experiências:

| siga todas as novidades do Meu Rebuliço no facebookinstagram e pinterest |

fotografias: Carolina Baracho Saleiro