VIAGEM | VALÊNCIA, MOM LA PUNTA

Adorava poder viajar por todo o mundo e viver em vários sítios do planeta. Vou fazendo este percurso pouco a pouco, mas nos fins-de-semana gosto de aproveitar para conhecer sítios desconhecidos. Aqui, na Catalunha, aos sábados, gosto de descobrir pequenas aldeias medievais, encantar-me com a Costa Brava e respirar o ar puro da montanha, mas na Páscoa decidi andar mais uns quilómetros e ir até Valência.

Nunca tinha ido e não tinha uma opinião sobre ela. Em área é um pouco maior que Barcelona e em espaço livre, a meu ver, é muito mais espaçosa. As ruas são mais amplas e os prédio mais baixos, deixando muito mais espaço para o sol irradiar cada recanto, mas nesta publicação queria falar no sitio onde fiquei alojada: Mom La Punta.

Encontrei no Booking, uma espécie de guest house sem comentários ou experiências de outros hóspedes. Era um espaço novo que tinha um aspeto irresistível, para quem adora design de interiores e espaços que transmitam boa energia. Adoro arriscar, por isso disse no momento “é este”.

Um antigo e abandonado armazém de barcos, numa zona ligeiramente afastada do centro da cidade (5 minutos do L’Oceanografic), que foi comprado por um cubado com uma visão incrível e uma simpatia inigualável. Reconstrui-o numa casa com a essência do espírito cubado, combinado com a simplicidade nas linhas minimalista e dos materiais naturais.

Construiu-a para ser a sua casa e isso nota-se, em cada detalhe e em cada palavra que nos diz durante a nossa receção. É um lugar perfeito para descansar, depois de visitar a solarenga cidade de valência, que prometo falar numa próxima publicação.

| siga todas as novidades do Meu Rebuliço no facebook, instagram e pinterest |
Tags :

Também vai gostar:

Deixe um comentário

  Subscribe  
Notificar-me de